Meu primeiro abaixo assinado

Abaixo assinado

Como a maioria dos cidadãos brasileiros reclamo das coisas e não faço nada além disso. Desta vez decidi usar um canal de web para tentar levar adiante um assunto polêmico e desconhecido por muitos trabalhadores: a impossibilidade de pessoas fracionarem suas férias a partir dos 50 anos de idade. Aquela maravilha de 15 dias no verão e 15 dias no inverno (pra procurar o verão em outro lugar), não rola mais!!! Ok, ainda estou longe dos 50 (rsrsrsr) mas é preciso se antecipar aos acontecimentos.

Na esperança de sensibilizar e impulsionar, pelo menos uma discussão sobre o tema, lancei no Change.org o texto abaixo:

O Decreto-lei 1.535 (15/4/1977), que atualizou a redação do Decreto-lei 5.452 ((1/5/1943) determina que para “maiores de 50 (cinquenta) anos de idade, as férias serão sempre concedidas de uma só vez“. Isso significa que trabalhadores maiores de 50 anos só poderão gozar de 30 ou 20 dias corridos de férias.
A questão que se impõe é que, num momento de desemprego e inúmeras demissões no país, quem se atreve a gozar 30 dias corridos de férias?
O Decreto-lei 5.452, do ano de 1943, hoje com mais de 72 anos, provavelmente, pretendia garantir o direito às férias dos considerados idosos no Século XX (maiores de 50 anos). Hoje, os direitos trabalhistas estão consolidados e são de conhecimento dos trabalhadores.Com o aumento da expectativa de vida e a necessidade de se manter empregado por mais tempo, não é coerente impedir o trabalhador de acordar com a empresa se haverá ou não fracionamento das férias

É hora de ajustar o decreto à realidade atual!

Entra lá, assina e compartilha em suas redes sociais! Vai que dá certo!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s