À mulher de César não basta ser honesta, tem que parecer honesta

Esta máxima é comumente usada quando se refere a políticos ou pessoas de grande expressão pública e das quais se exige ética e conduta ilibada, como por exemplo o ministro do trabalho. Pois é, depois de mentir descaradamente e ser desmascarado, falar pelos cotovelos e outras besteiras mais a Comissão de Ética da Presidência da República recomenda sua demissão e a presidenta questiona. Será que quer que desenhe? Arrogância e/ou rabo preso tem limite!

2 Respostas para “À mulher de César não basta ser honesta, tem que parecer honesta

  1. Compartilho da tua indignação, pois foi assim que fiquei logo cedo quando li a notícia …

    • depintoribeiro

      Ufa, ainda bem que as pessoas que amo compartilham minha visão de ética e moralidade. Beijos e saudades!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s