Ser feliz no trabalho é um direito seu, mas é também uma responsabilidade sua

Vamos combinar que tem muita gente que reclama do seu trabalho e não faz absolutamente nada. Tem os que reclamam para manter o interesse sobre si e outros para malhar alguém que, segundo eles, é responsável pela sua infelicidade profissional. Já trabalhei num lugar horrível e tratei de sair de lá. Demorou muito, mas eu consegui! Percebo pessoas com uma visão deturpada de livre arbítrio (profissional) e que estão sempre buscando um culpado (o chefe, o colega, o pai etc). Acho que no meio desta situação tem uma dificuldade de conhecer-se ou uma negação das suas áreas de sombra e, principalmente, uma percepção equivocada de como mundo o vê (profundo esse negócio). Mas é claro que, assim como há os que não buscam uma saída adulta para a questão, tem outros que não param em lugar algum porque para eles nada serve. Felizmente há os que encaram a situação e agem na direção da sua felicidade. Cada qual com seus cada quais, mas chega uma hora em que a criatura precisa assumir que o problema é ela.

A frase do título é de autoria de Floriano Serra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s