Difícil é escrever nos ovos!

Tenho um colega de trabalho que é um bolaço de tão querido, competente e divertido. Volta e meia nos divertimos com suas peripécias dos tempos de infância ou com suas trovas gauchescas. Ele mora num sítio e sua maior alegria é envolver-se, ainda de madrugada – sim, antes de vir pro trabalho – nas lides, já que ele cria galinhas, planta frutas e verduras. Recentemente ele quebrou um dedo enquanto mexia numas telhas e, a contragosto, foi obrigado a engessar a mão e  a se afastar do trabalho. Como o tal do dedo, da mão direita, já sofrera fratura anterior (sem correção) o médico resolveu quebrar novamente a antiga fratura pra consertar. Obviamente, como o meu colega foi ao médico quase que arrastado e apenas no dia seguinte à fratura, a anestesia não pegou. A dor foi absurda e a enfermeira confidenciou depois que o médico tem fama de ser meio maluco. Dia desses, ele veio buscar um documento e nos contou da dificuldade que estava sendo não poder fazer nada e por não saber usar a mão esquerda. Foi aí que ele saiu com essa: difícil é escrever nos ovos! Quase virei purpurina de tanto rir, pois ele falou com inocência, mas minha cabeça já viajou na frase. Como cria galinhas poedeiras ele costuma registrar a data de postura em cada ovo, à caneta. Espero que ele se restabeleça logo, pois já está fazendo falta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s