Motoristas de Porto Alegre: os palhaços da EPTC

Pois é gente, o contribuinte só se ferra. Hoje cedo (9:02h) fui fechada por um ônibus na frente da rodoviária de Porto Alegre/RS (aquele caos de trânsito que a Metroplan não consegue resolver). No mesmo instante parei, liguei o pisca e fui verificar o estrago. Afinal não dizem que não se pode remover o veículo do lugar do acidente? Prontamente, o servidor da EPTC se dirigiu a mim e eu achando que seria atendida, perguntei a ele o que estava anotando. Espantada fiquei sabendo que estava me multando porque parei quando o sinal estava aberto. Pensam que ele se preocupou com o motivo da minha parada, com a minha integridade física ou com os danos ao meu carro: é claro que não! O foco dos servidores da EPTC é unicamente faturar através da aplicação de multas. Os que me conhecem já me ou viram dizer que tenho clareza de que não poderia portar arma de qualquer espécie. Se hoje eu portasse uma arma ela seria usada.  Como Deus é bom comigo, gritei alguns desaforos de dentro do carro e fui embora com o carro arranhado e o prejuízo da multa e do conserto. Tô pensando em depositar meu salário nas contas da prefeitura, do governo do estado e do federal, todo final de mês, afinal a classe média paga as contas e é a única a ser penalizada, então, por que não dar o dinheiro diretamente a eles?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s