Tu sabes o que tu pensas sobre os outros?

Poucos são os que param para pensar sobre esse assunto. Nos ambientes corporativos, então, raríssimos. Incluo na lista os profissionais das áreas de gestão de pessoas, por incrível que pareça e por mais que me doa. Acontece que a clareza com relação a isso determina a nossa forma, enquanto profissionais, de lidar com as questões da organização. Não importa o cargo, todas as nossas entregas aos clientes internos ou externos são pautadas nessa concepção. Por esse motivo, a área marketing estuda tanto o perfil do consumidor para acertar na mosca em comunicação e produtos. Um exemplo: se eu penso que meus textos são claros e maravilhosos e que todo o mundo vai entendê-los, ferrou! As pessoas sentem, pensam, aprendem e reagem de forma diferente aos estímulos. E a gente aprende (?) nas disciplinas comportamentais a entender isso e construir soluções que atendam à maioria. Autoconhecimento e humildade são fundamentais para qualquer profissional, pois todo mundo, em inúmeras situações, já deixou de entender alguma coisa que era claríssima para o seu autor. Obviamente, que construir soluções que façam sentido para nossos clientes dá trabalho, mas para quem gosta do que faz a gratificação é muito grande. Essa tem sido uma preocupação recorrente nos meus posts e na minha carreira.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s